View profile

coisas estranhas # - 93

influenciados, mudei a newsletter de lugar
coisas estranhas # - 93

Arte
saiu o livro A arte do descaso que relembra o maior roubo de obras de arte da história brasileira. Os ladrões entraram no museu chácara do céu no Rio numa sexta feira de carnaval e levaram quatro quadros (Monet, Matisse, Picasso e Dalí), avaliados em mais de 10 milhões de dólares. a polícia recuperou os quadros? não. sabe qual providência as autoridades tomaram depois desse episódio? nenhuma
tem um livro excelente sobre o roubo mais famoso de todos, o sumiço da Monalisa em 1911: Vanished Smile. Eu nem mesmo sabia que a Monalisa tinha um dia sido roubada e que um dos suspeitos era o Picasso. daria um excelente filme. doei o livro pra biblioteca da faculdade de letras da UFRJ, quem quiser pode ir lá pegar
tem 92 museus em Londres somando mais de 20 milhões de obras de arte. esse maluco tentou ver tudo em um único dia. é exatamente nessa velocidade que eu aprecio arte em museus
obra de arte mesmo é isso aqui
uma exposição de pinturas sobre jardins: shut up and take my money
A View of Hampton Court, Leonard Knyff ~1702–14
A View of Hampton Court, Leonard Knyff ~1702–14
Sem vandalismo
textão que explica a diferença entre a estratégia gandhiana e a tática black bloc na desobediência civil: “a imprensa gasta páginas e mais páginas de jornal e dezenas de minutos de jornalismo televiso para discutir a violência contra vidraças enquanto a verdadeira violência contra a vida ganha apenas menções pontuais.” 
singela comparação entre black blocs e policiais: “em 2014, num protesto no Rio de Janeiro, um rojão lançado por dois manifestantes matou um cinegrafista. Naquele mesmo ano a polícia brasileira matou 3.022 pessoas”.
um exemplo de vida pra mim: carioca revoltado na enchente
pausa para encontrar bola preta
pausa para encontrar bola preta
Leituras
história digna de filme sobre uma jovem pesquisadora que desafiou autoridades acadêmicas ao revelar atrocidades do império britânico no Quênia, versão anteriormente contada essencialmente pelos próprios historiadores ingleses, brancos e velhos. e vai virar filme mesmo. outro artigo amplia a lista de barbaridades do império britânico e explica por que eles estão perpetuamente em guerra: blood for oil, war for peace
relato bizarro de uma emergência médica grave em um vôo transoceânico e como as companhias aéreas cagam para a situação
uma explicação para a “coragem” da apple em retirar os cabos dos fones de ouvido em termos de tomar uma decisão controversa quando existe uma opção não-controversa: simplesmente porque você acredita que aquilo é a coisa certa a fazer
reportagem sobre o ano mais letal do BASE jumping, com pelo menos 31 mortes até agora, 15 só em agosto, e como marcas como go pro e red bull incentivam seus atletas a correr riscos absurdos
tem uma newsletter incrível chamada Disturbances, em que o geógrafo britânico Jay Owens escreve sobre a ciência, história e cultura da poeira. Sim, isso mesmo, poeira. No boletim mais recente ele fala da história e estado da arte das expedições para estudos das camadas de gelo na Groelândia e conta um episódio onde 5 caras ficaram presos no inverno no campo base mais extremo e tinham que retornar para reabastecer. “Eles teriam que viajar leve e rápido -  e tendo apenas dois trenós e nenhuma comida para os cães de trenó, apenas o mínimo para si próprios. Os cães eles matariam, um por um, para alimentar os outros. Eles sobreviveram até o último cachorro antes de serem resgatados.” caralho
Música
três discos brasileiros, descubra
Fernando Temporão - Paraíso
Links
a gente mora no rio e acho brabo as violência e tudo, mas dá pra relativizar com as guerras acontecendo ao redor do mundo. aqui é fichinha. Aleppo é a maior cidade da Síria, um campo de batalha urbano na brutal guerra civil desde 2012. de chorar
fantasia mais repetida no carnaval de rua 2017
galera super cool pra caralho indo pro burning man
pessoal do Saturday Night  Live não contendo o riso é hilário
o robô que eu quero pra minha vida
tô de olho em vcs gatx
tô de olho em vcs gatx
Did you enjoy this issue?
influenciados, mudei a newsletter de lugar

novo endereço:
moreno.substack.com
assinem lá. abs

If you don't want these updates anymore, please unsubscribe here.
If you were forwarded this newsletter and you like it, you can subscribe here.
Powered by Revue