Ver perfil

Isso é importante - Eu posso estar errado - Edição Nº32

Isso é importante - Eu posso estar errado - Edição Nº32
Por Gabriel Schincariol Cavalcante • Edição Nº32 • Ver na web

Veja só, eu tenho algumas coisas a dizer. Eu sei que eu estou sumido e que esse e-mail tem chegado pouco na sua caixa de entrada. Estou escrevendo menos do que deveria, essa é a verdade, e cada dia que passa em que eu escrevo menos, menos eu consigo escrever. É uma bola de neve do bloqueio criativo. Não é bem um bloqueio, mas escrever é ritmo e consistência, feito ir na academia: se você não vai hoje, ir amanhã parece bobagem, assim como ir depois de amanhã, até que você se vê com um plano anual inteiro para pagar e nenhuma vontade de treinar.
Assim como ir na academia, eu preciso escrever para manter a forma. Se eu não escrevo, começo a cair aos pedaços.
É assim que eu estou.
Então eu quero que você saiba que eu tenho coisas a dizer. Eu ainda não acabei. Tem mais por vir.
Só que eu não vou dizer agora, porque já são onze da noite e amanhã eu começo a trabalhar cedo.
Mas fique sabendo disso: eu tenho coisas a dizer. E mais cedo ou mais tarde eu direi todas essas coisas.
Assim que possível.
Assim que eu conseguir dormir 8 horas por dia durante uma semana inteira.
Assim que eu conseguir encontrar o ritmo certo, assim que eu retomar a consistência.
Assim que eu der o salto mágico entre Ter coisas para dizer e Ser capaz de dizer tais coisas. Parece pequena a distância, mas não é.
Não é mesmo.
Fica o recado.
Curtiu essa edição?
Gabriel Schincariol Cavalcante

Eu posso estar errado. Mas será que eu estou?
Escritor de ficção, formado em Direito pela USP (não é advogado), mestrando em Teoria Literária - FFLCH USP

Para cancelar sua inscrição, clique aqui.
Se você recebeu essa newsletter de alguém e curtiu, você pode assinar aqui.
Curadoria cuidadosa de Gabriel Schincariol Cavalcante via Revue.